Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Turma de História e de Letras do Polo Universitário de Baião participam do I Festival Quilombola de Engenho, Município de Baião

  • Publicado: Segunda, 22 de Julho de 2019, 18h47
  • Última atualização em Segunda, 22 de Julho de 2019, 18h47
  • Acessos: 97

O Quilombo do Engenho, em Baião, Pará-Brasil, realizou de 17 a 19 de julho o seu I Festival Quilombola, com alvorada, eventos culturais, palestras, vendas de plantas medicinais, comidas típicas e artesanatos, bem como brincadeiras, samba de cacete, apresentação de jovens quilombolas e show dançante.

No 19, estudantes do Curso de História do Polo Universitário de Baião, pertencente ao Campus Universitário do Tocantins/Cametá-UFPA, participaram do evento. Sob coordenação da Profa. Dra. Rosemeire Souza, Diretora da Faculdade de História, realizaram Roda de Conversa no Quilombo, tratando do Repensar a Memória, assim como desenvolveram oficinas, vivenciando a comunidade.

Estudantes do Curso de Letras Língua Portuguesa do Polo Universitário de Baião vivenciaram também as atividades do Quilombo, percebendo-se ainda mais a necessidade de pesquisas e ações ligadas às comunidades tradicionais do Baixo Tocantins, como os Quilombos e sua diversidade linguístico-cultural, política, econômica e social, conforme ressaltou o Prof. Doriedson Rodrigues, coordenador do Campus Universitário do Tocantins/Cametá-UFPA, também presente nas atividades.

No evento, Prof. MSc. Niel Rocha, Município de Baião, expôs sobre Cortes de verbas e o reflexo para os quilombolas cotistas e bolsistas do BPQ, além de realizar reflexão sobre instrumentos presentes no Quilombo.

A coordenação do Polo Universitário de Baião, Prof. Arlon Barbosa Borges, também esteve presente no evento, ficando responsável pela articulação de um curso de redação para o quilombo, a partir de demanda da comunidade. Assim como a comunidade solicitou parceria com a universidade para realização de ações em prol do processo de registro de suas áreas.

Na Universidade Federal do Pará - Pública e Gratuita e com Qualidade Social -, há jovens do Quilombo do Engenho realizando curso superior, como no curso de Agronomia, do Campus Universitário do Tocantins/Cametá-UFPA, assim como em outras unidades regionais da UFPA.

registrado em:
Fim do conteúdo da página